Seguidores

27.12.07

A primeira cerimônia de entrega do Oscar

Desde março de 1927 a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood tinha se tornado uma entidade legal (e Douglas Fairbanks tornou-se o presidente da Academia). Ela foi criada para incentivar os artistas e a produção de bons filmes, e também para festejar (na verdade um pouquinho de publicidade não faria mal, não é mesmo?).
No dia 16 de maio de 1929, 250 estrelas e astros se aglomeraram no Hotel Hollywood Rooselvelt (de propriedade de Douglas Fairbanks e Mary Pickford). Um jantar maravilhoso foi servido e os discursos foram entusiasmados. Lá foi realizada a primeira cerimônia do Oscar. Mas a estatueta ainda não tinha esse nome. Só veio a ter 4 anos mais tarde (numa homenagem ao tio de Margaret Herick, que parecia com a estátua). Os filmes premiados foram lançados entre 1 de agosto de 1927 a 31 de julho de 1928.
Os premiados já eram conhecidos de todos. Não havia surpresa, já que dias antes, os resultados tinham sido entregues aos jornais, para serem publicados no dia da cerimônia (somente em 1941 foi adotado o sigilo e conseqüente surpresa na entrega dos prêmios). Mesmo com todo o aparato, não houve grande estardalhaço da imprensa. Nem mesmo as rádios transmitiram a chegada dos astros. No ano seguinte já havia uma transmissão direto do Hotel, por uma emissora de rádio, e em 1953 foi televisionada.
Foram entregues ao total 15 prêmios: - Melhor Filme (Wings/Asas)- Melhor Diretor (Frank Borzage, por Sétimo céu)- Melhor Diretor de comédia (Lewis Milestone, por Two arabian knights)- Melhor ator (Emil Jannings, por Tentação da Carne)- Melhor atriz (Janet Gaynor, por Sétimo céu)- Fotografia (Charles Rosher e Karl Struss, em Aurora)- Roteiro Original (Bem Hecht, por Paixão e Sangue)- Roteiro adaptado (Benjamin Glazer, por Sétimo céu)- Entretítulos (Joseh Farnham)- Direção de arte (William Cameron Menizes, por A Tempestade)- Efeitos técnicos (Roy Pomeroy, por Asas)- Qualidade artística de produção (Fox Studio)- Especiais (Warner Bros, pela produção do primeiro filme falado, O cantor de Jazz e a CHARLES CHAPLIN, por produzir O Circo).
Como podem notar, a única mulher a ser premiada foi a atriz Janet Gaynor. No ano seguinte os prêmios foram reduzidos para sete, e chegaram a variar muito, de ano para ano, dependendo dos destaques. O fato é que o Oscar até hoje é acusado de ser injusto (e o foi em diversas ocasiões) quando não deu o devido valor a obras magníficas. No entanto, sempre foi, e ainda é desejado.

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails