Seguidores

27.9.09

Dirty Dancing era um filme água com açucar

 

patrick-swayze-two-years1238341040 Era o que pensava o protagonista Patrick Swayze, morto aos 57 anos no dia 14 de setembro. Ele achou isso na primeira leitura que fez do roteiro. A revelação está em seu livro biográfico “The time of my life”,, que está com lançamento previsto para o dia 29 de setembro, nos Estados Unidos. “Era um filme água com açúcar, nada mais que um filme sobre um acampamento de verão”.

Já com Ghost a reação foi diferente. “Imediatamente quis estar no projeto e convenci o produtor Jeff Zucker a me incluir, apesar de seu ceticismo sobre minha capacidade de interpretar aquele homem sensível do papel principal”, disse o ator.

2 comentários:

M. disse...

No DVD Dirty Dancing Vigésimo Aniversário também tem essa opinião sobre o filme. Para os atores, diretor e produtores não passava de um filmezinho da temporada. Ninguém esperava o grande sucesso de bilheterias.

Houve até quem criticou a atriz que fez o papel de Baby na cara dela, dizendo que sua atuação era ruim demais. Mas aí... caiu no gosto. E o filme fez sucesso! O filme.

Patrick Swayze catapultou sua carreira apartir dali, se tornou símbolo sexual. Pena ele não ter participado de grandes projetos do cinema. Os filmes de sua vida foram mesmo "Dirty Dancing" e "Ghost".

E a biografia dele estou curiosíssima para ler. Tomara que não demorem tanto a lançar no Brasil. Beijos.

Sônia disse...

Eu já havia lido sobre esta declaração do saudoso Patrick Shayze. Ninguém esperava que " Dirty dancing" fosse um sucesso de bilheteria. Nem mesmo Patrick que arrassou com sua dança, carisma e sensualidade no filme.

Saudades de Patrick.

Related Posts with Thumbnails